Livros e Peças Seja o primeiro a comentar!

Ago 30 Escrito por 

Em 1999 sai a publicação de seu primeiro livro de poesias BRUTA REALIDADE, que enfatiza a realidade de um Brasil de fome e miséria, depois laçara outros em parcerias com outros escritores .

 

BRUTA REALIDADE

Poesias/ 1999

Atônito, o poeta vê -se de frente com a realidade: "Nem grão, nem pão/Trabalho?!" Os sentimentos nobres não são privilégios daqueles que detém os meios de produções, os sentimentos pertencem àqueles que tem : "Mãos calejadas/ calças rasgadas/pés descalços". Nesse ponto, através dos poemas de Miro Baía, chegamos a conclusão que o amor é sentimento universal que decide deixar a lágrima correr/sem saber de quem é magoa".

Prefacio: Florentino Filho

 

 

A ARTE DE  EXPRESSÃO

Textos Teatrais /1998

Baseado em dois textos Teatrais: NO BOTECO DA VIDA E DONA LULU, comédias que já foram montadas, na formação das oficinas dadas pelo grupo de Teatro Cio da Terra.

Prefacio: Miro Baía

 

EXPRESSÃO LITERÁRIA CAMAÇARIENSE

Coletânea de Contos / 1998

As estórias estão entremeados de intrigas e mortes, de conflitos resultantes de amores não correspondidos, incompreensões entre parentes e amantes quando a  ambição sobrepuja o altruísmo, a esperança e o desejo de libertação dos que lutam contra o determinismo  geográfico e o racismo. São situações dramáticas tecidas individualmente sem a preocupação de um ponto de vista coletivo ou outro tipo de unicidade. Entrementes o leitor perceberá  que de dentro dessa adversidade, a vida, o amor e todos os demais sentimentos nobres, brotam formando um corpo único e literária.

Prefacio e Apresentação: Florentino Filho

 

NAS ESQUINAS DA VIDA

Coletânea de Poesias/1994 [ ESGOTADO ]

NAS ESQUINAS DA VIDA - como quem mostra os ângulos de ampla variedade de três moços que querem dar sua palavra, apresentar sua visão das coisas do mundo, do estar aqui e agora. Querem " um sorriso num dia claro", o outro mostra "meu sentimento foi profundo", o terceiro declara que " Eis nos olhos da sociedade/A esperança do amanhã...".

Prefacio: Germano Machado

 

O OLHAR POÉTICO

Coletânea de Poesias/2001

A possibilidade de viabilizar a edição dessa obra literária com autores inéditos é por demais gratificante, consolidando a importância dos nossos poetas. Sabemos o quanto é fundamental o acesso aos livros na construção da cidadania. O homem informado, conhecedor do seu tempo; é um elemento importante na formação da bases da democracia.

Apresentação: José Tude - Prefeito Municipal de Camaçarí

1379 Última modificação em Quarta, 28 Maio 2014 17:43

Deixe um comentário

Certifique-se de preencher os campos indicados com (*). Não é permitido código HTML.

Patrocinador

Ouça Musica

Contato

Conecte Nos

 

+